Só depois de entender o básico, decida se deseja ou não investir

Seja o mais antigo e o maior – Bitcoin – ou aquele que começou como um meme – Dogecoin – as criptomoedas tomaram o mercado de assalto este ano. E embora o preço do Bitcoin tenha caído recentemente, após a repressão do governo chinês ao uso de moeda digital pelos bancos, não há motivos para cancelá-lo imediatamente. Sim, os críticos disseram que as criptomoedas não têm valor intrínseco. Alguns deles até traçaram um paralelo entre a mania do Tulip Garden da Holanda e a corrida pelo Bitcoin, mas o endosso de nomes como Elon Musk, Snoop Dog e outros o manteve.

Não há como negar que muitos novos investidores também estão interessados ​​em investir seu dinheiro em criptomoedas, mas estão um pouco relutantes por causa de sua falta de compreensão. Aqui estão algumas coisas que você deve manter em mente ao planejar investir em qualquer criptomoeda:

Volatilidade: quanto risco você está disposto a correr? Há muito tempo os críticos destacam o quão voláteis são as criptomoedas. É muito mais volátil do que qualquer outro investimento e, portanto, você deve compreender que também envolve mais riscos. Não se esqueça que sempre existe o risco de que seu país possa declarar criptomoedas ilegais a qualquer momento. A recente decisão do governo chinês é apenas um exemplo. Assuma o risco, mas seja calculista e atento ao que está acontecendo ao seu redor. Invista apenas o quanto você pode pagar.

Bitcoin não é o começo e o fim de tudo: Sim, é o mais popular, o mais antigo e o maior, mas o Bitcoin certamente não é a única criptomoeda no mercado agora. Apenas um lembrete de que o Bitcoin também é a moeda mais cara e, portanto, você deve olhar para outras opções, como Ethereum, Litecoin e Ripple. Portanto, sim, procure a criptografia mais acessível e menos volátil enquanto planeja investir. Não será tão ruim ficar de olho nas pessoas que falam regularmente sobre moeda digital e têm a capacidade de influenciar os preços. Elon Musk é uma dessas pessoas.

Leia white papers:

Pode não ser a coisa mais empolgante de ler, mas o white paper de qualquer empresa é uma visão sobre seu funcionamento e ajuda o investidor a entender se vale a pena investir dinheiro nisso. Você não só saberá mais sobre a moeda em si, mas também sobre a utilidade que ela traz para o mercado. Um white paper mal escrito é uma indicação de que, se uma empresa não consegue explicar a utilidade de sua moeda, é mesmo sensato investir nela? Aqueles que não podem explicar com toda a probabilidade não podem proteger ou preservar seu investimento.

Procure por sinais de fraude:

A Federal Trade Commission (FTC), um órgão de proteção ao consumidor dos EUA, relatou no início desta semana que golpistas se passando por Elon Musk roubaram mais de US $ 2 milhões (cerca de US $ 14,63 crore) em criptomoedas desde outubro do ano passado. Os novos dados da FTC também mostram que quase 7.000 pessoas foram fraudadas desde outubro de 2020, relatando perdas em investimentos falsos em criptomoedas, somando mais de $ 80 milhões (cerca de 585,43 crore). Esses golpes, diz ele, podem acontecer de várias maneiras e estão “cheios de promessas e garantias falsas”. Como potenciais investidores, você deve ser extremamente cuidadoso com esses elementos e sites que abundam na Internet.

Comentários:

Tempo: Geralmente, não há regra sobre quando investir, mas é melhor não investir quando algo está no pico de uma bolha. É igualmente importante não investir quando ele está quebrando. O melhor momento, se você estiver procurando por um, seria quando os preços se estabilizassem por um tempo em um patamar baixo. Dada a volatilidade que as criptomoedas representam, o tempo é de extrema importância quando se trata de investir dinheiro nelas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.